Identificação de INRI CRISTO

Assim falou INRI CRISTO:
“Quando, nas horas de íntimo desgosto, o desalento te invadir a alma e as lágrimas se aflorarem aos olhos, busca-me! Eu sou aquele que sabe sufocar o pranto e estancar-te as lágrimas.
Quando te julgares incompreendido pelos que te circundam e vires que em torno a indiferença recrudesce, acerca-te de mim! Eu sou a luz sob cujos raios se aclaram, a pureza de tuas intenções e a nobreza de teus sentimentos.
Quando se te extinguir o ânimo para arrastar as vicissitudes da vida e te achares na iminência de desfalecer, chama-me! Eu dou a força capaz de remover as pedras dos caminhos e sobrepor-te às adversidades do mundo.
Quando, inclementes, te açoitarem os vendavais da sorte e já não souberes onde reclinar a cabeça, corre para junto de mim! Eu sou o refúgio em cujo seio encontrarás guarida para o teu corpo e tranquilidade para o teu espírito.
Quando te faltar a calma nos momentos de maior aflição e te julgares incapaz de conservar a serenidade de espírito, invoca-me! Eu sou a paciência que te faz vencer os transes mais dolorosos e triunfar nas situações mais difíceis.
Quando te debateres nos paroxismos da dor e tiveres a alma ulcerada pelos abrolhos dos caminhos, grita por mim! Eu sou o bálsamo que cicatriza as chagas e te minora os padecimentos.
Quando o mundo te iludir com suas promessas falazes e perceberes que já ninguém pode inspirar-te confiança, vem a mim! Eu sou a sinceridade que sabe corresponder à fraqueza de tuas atitudes e à excelsitude de teus ideais.
Quando a tristeza e a melancolia te povoarem o coração e tudo te causar aborrecimento, clama por mim!
Eu sou a alegria que te insufla um alento novo e te faz conhecer os encantos de teu mundo interior.
Quando um a um se fenecerem os ideais mais belos e te sentires no auge do desespero, apela para mim! Eu sou a esperança que te robustece a fé e acalenta os sonhos.
Quando a impiedade se recusar a revelar-te as faltas e experimentares a dureza do coração humano, procura-me! Eu sou o perdão que te levanta o ânimo e promove a reabilitação de teu espírito.
Quando duvidares de tudo, até de tuas próprias convicções, e o ceticismo te avassalar a alma, recorre a mim! Eu sou a crença que te inunda de luz o entendimento e te reabilita para a conquista da felicidade.
Quando já não provares a sublimidade de uma afeição sincera e te desiludires dos sentimentos de teus semelhantes, aproxima-te de mim! Eu sou a resignação que te ensina a olvidar a ingratidão dos homens e a esquecer a incompreensão do mundo.
Quando enfim quiseres saber quem sou, pergunta ao riacho que murmura, ao pássaro que canta, à flor que desabrocha, à estrela que cintila, ao moço que espera, ao velho que recorda… Eu sou a dinâmica da vida, a harmonia da natureza; chama-me “Amor”, o remédio para todos os males que te atormentam o espírito.
Estende-me, pois, tua mão, ó alma, filha da minha alma, e eu te conduzirei numa sequência de êxtase e deslumbramentos às serenas mansões do infinito, sob a luz brilhante da eternidade.
Eu sou o alfa e o ômega, o começo e o fim, a estrela resplandecente da manhã. Meu PAI e eu somos uma só coisa.
Eu sou a luz do mundo, a verdade e a vida. Eu sou o caminho; ninguém vem ao meu PAI senão por mim.
Antes de ser crucificado, eu disse: “Pela minha voz o meu rebanho me reconhecerá”. Voltei como havia prometido pra iluminar a humanidade e instituir na Terra o reino de meu PAI, SENHOR e DEUS formalizado pela SOUST.
Eu Primogênito, reencarnei, renasci Noé, Abraão, Moisés, David, etc… Depois Jesus e agora INRI. INRI é o meu novo nome. INRI é o nome que eu paguei com o meu sangue na cruz: I.N.R.I., INRI, o nome que Pilatos escreveu acima da minha cabeça quando eu agonizava na cruz, quando cuspiam no meu rosto, quando me ultrajavam, quando se cumpriam as escrituras.
INRI é o nome que custou o preço do sangue. Guardai-o em vossas cabeças e sereis fortes e felizes, meus filhos. Meu coração bate forte de amor por todos vós.
Benditos são os olhos que me veem e veem quem sou.
Benditos são os ouvidos que me ouvem e me reconhecem pela minha voz.
Bem-aventurados sois vós, vós que me escutais, porque eu só vos falo o que escuto de meu PAI, SUPREMO CRIADOR, Único ser Incriado, Único eterno, Único ser digno de adoração e veneração, Onipresente, Onisciente, Onipotente, Único SENHOR do universo.”

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *